domingo, outubro 24, 2010

Swap Miniclube 10 anos!

Infelizmente não pude participar do encontro de aniversário do grupo, mas pude participar mesmo á distância do swap.
O tema era aniversário, e o que um miniaturista mais gosta de ganhar?
Miniaturas, parece óbvio, mas como dar uma miniatura de presente através de uma miniatura?
Pensei em uma miniatura na escala 1/144, mas solta a peça não faria "sentido".
Então onde colocar o meu presente?
Eu escolhi mesa de canto Albany Park.



Uma mesa de traços simples porém marcantes, seria a "base" ideal pro meu presente.

A minha mesa Albany Park está na escala 1/12.



Sobre a mesa o meu presentinho, uma cadeira anos 50. ;)


Aqui com um alicate para demonstrar melhor o tamanho da peça.
A luminária é feita com uma mini lâmpada e peças de bijouteria.


A luminária é funcional.


Espero que minha parceira, Donna, tenha gostado e que essa peça possa enriquecer a sua coleção pessoal.


Para ver mais fotos com mais detalhes visite o meu flickr Crisminiaturas.

5 comentários:

Puppenstubennostalgie disse...

Sehr hübsch geworden... mit dem waremn Holzton, gefällt mir sehr gut.

Liebe grüße PuNo/Monika

Mínimos disse...

Ficou show, Cris, parabéns.
Ana Paula

Dollhouse Brazil disse...

Tá lindo e extremamente bem-feito, Cris!

E gostei principalmente da adesão à escala 1:144! :) Atualmente é a minha favorita.

Evelyne

De mãe para filha disse...

Meu teclado ficou todo molhado, hehe!! Lindo, lindo, lindo!!! Parabéns, Cris! Ela vai amar!!
Um grande beijo,
Jane

Daisy disse...

Ficou linda mesmo,fez o maior sucesso e eu vi com "minhas proprias mãos".

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Meu livro de cabeçeira:

Caros comentaristas:
De modo a nos poupar de atritos desnecessários aqui no blog peço aos colegas que, em suas mensagens, evitem promover inanas, coarctadas, inarmonias, agastamentos, chaças, debates inócuos, embates, embrulhadas, rabulices, encamisadas, ofensas, escaramuças, escarapelas, caceteiras, picuinhas, badernas, lides, quebra-paus, quebra-quebras, pleitos descabidos, quelelês, efervecências, questões de lana caprina, infestações, refregas, bafôs, pegas-pra-capar, pegadilhas, pegas, algazarras, pugilatos, pugnacidades, pugnas, logomaquias, peguilhas, pegulhos, brigas, quiproquós, triscas, quizilas, beiçoladas, galanas, vale-tudos, pelejas, bulhas, ralhos, beligerâncias, colisões, rolos, polêmicas idiotas, timacas, demandas, desordem, combates, gambérrias, armistrondos, remoques, campanhas insípidas, pampeiros, competências, tumultos, pancadarias, rancores, tendepás, muvucas, pendências, conflitos, confrontos, zangas, bangue-bangues, zanguizarras, tinido de armas, contendas, contenções, controvérsias destrutivas, renzilhas, choldaboldras, tropelias, oposições, provocações infundadas, sopapos, esparrames, pipocas, repontões, requestas, sarabandas, barafundas, arranca-rabos, arranca-tocos, arrancadas, arregaços, arreigações, arrepelamentos de barbas, arrepelações, porfias, jiribandas, jerimbambas, turmbambas, mirongas, sororós, barracos, porradarias, turras, derriças, certames, morticínios, arruaças, arruídos, desandas, desavenças, disceptações, discussões violentas, desfrontações, rusgas, cismas, resmungações, rosnaduras, desordens, testilhas, destruições do patrimônio público ou privado, assuadas, batalhas sangrentas, lutas desiguais, rotas, altercações, heteromaquias, retesias, estrupadas, retruques, litígios duros, afuleimações, prélios, frumentações, cruzadas, rivalidades inúteis, cavilações, reviretes, vuvus, rixas, contendas, mexeriquices, fuzilarias, bochicos e liças de qualquer espécie.
Grata
Cristina Freitas